Unidades Hidráulicas

Ao longo da nossa jornada, a Global HP já desenvolveu e entregou milhares de unidades hidráulicas em todas as áreas do Brasil.

Basicamente, as unidades hidráulicas são utilizadas para diversas aplicações, onde são necessárias grandes forças e controles de movimento.

Realizamos todo o projeto e fabricação das unidades hidráulicas, garantindo equipamentos personalizados e eficientes para industrias e outros mercados em geral.

Todos os nossos projetos são construídos com componentes de alta qualidade, seguindo rigorosas normas de fabricação para garantir uma operação extremamente confiável e econômica, maximizando sua produtividade.

As principais aplicações das unidades hidráulicas:

As unidades hidráulicas possuem várias aplicações e estão presentes em vários setores industriais. Abaixo, listamos somente as principais aplicações:

Máquinas de Automação Processos industriais Máquinas de processamento de carne Manuseamento de materiais Equipamentos de construção
Equipamento agrícola Máquinas de Papel Equipamentos para governo Equipamentos para campo petrolífero

Características técnicas:

Compactadas: Capacidade de 4,0 à 20,0 litros.

Padrão: Capacidade de 30 à 1.000 litros.

Especiais: Conforme necessidade do cliente.


Perguntas frequentes: 

O que é uma unidade hidráulica?

As unidades hidráulicas de energia são os principais componentes de condução de sistemas hidráulicos. Basicamente os sistemas hidráulicos são compostos principalmente por um motor, um reservatório e uma bomba hidráulica. Trata-se de um equipamento que podem gerar uma quantidade enorme de poder. Além disso, deve-se considerar que as unidades hidráulicas são baseadas na lei de Pascal da física, chamando a sua energia a partir de rácios de área e pressão.

Como as unidades hidráulicas funcionam?

A ideia de funcionamento de unidades hidráulicas na verdade é bastante simples.  Basicamente, a força aplicada em um ponto é transmitida para o outro por meio de um fluido incompressível. Normalmente, o fluido é um tipo de óleo. Além disso, é fundamental entender que a força quase sempre se multiplica no processo.