Como evitar cavitação em bombas hidráulicas

Manutenção e prevenção desse problema comum

A cavitação é um fenômeno físico de vaporização de um líquido que ocorre quando bolhas de vapor são formadas pela redução da pressão durante o movimento dentro das bombas, sendo muito comum em sistemas hidráulicos. O nome cavitação se dá por conta da formação de cavidades.

Durante o uso dos sistemas hidráulicos a pressão do fluido pode cair a um valor abaixo da pressão de vapor do líquido, esse processo faz com que ocorra uma vaporização local da massa líquida, formando bolhas de vapor. Essas bolhas serão carregadas a um ponto em que vai receber novamente pressão acima da já liberada pelo vapor do fluido, fazendo com que as bolhas entram em colapso e se torne líquido novamente.

Mas qual é o problema que isso vai causar?

As ondas de choques causadas por esse colapso sucessivo pode provocar trincas microscópicas em superfícies sólidas caso estas bolhas cheguem a regiões do material, causando uma cavidade de erosão na região.

Como evitar a cavitação em bombas hidráulicas

Antes de tudo é preciso ter em mente que diversos problemas podem ocorrer e serem confundidos como cavitação, ruídos, por exemplo, são muitas vezes confundidos com esse diagnóstico quando não são bem avaliados. Portanto é imprescindível ter a presença de um profissional preparado e acostumado com manutenção e prevenção de problemas em maquinário hidráulico industrial.

A solução mais simples costuma ser o dimensionamento adequado do sistema que vai desde o dimensionamento adequado da linha de sucção até mesmo no desenvolvimento de um sistema em que a bomba fique afogada, mantendo-a sempre cheia, garantindo que não falte fluido para o seu funcionamento.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *